quarta-feira, 23 de novembro de 2016

WIne Fest Porto 2016 - Um Verdadeiro Sucesso!

Organizado pelo Wine Club Portugal, de Luis Gradissimo (http://avinhar.blogspot.pt/), o WINE FEST 2016 PORTO realizou-se pela primeira vez no Porto, no passado sábado dia 19 de Novembro. E foi um tremendo sucesso: Perto de 800 pessoas encheram o Salão Nobre do edifício da Alfândega do Porto, para provar os mais de 200 vinhos disponíveis.

De facto, há que reconhecer o trabalho meritório de Luis Gradissimo em trazer para o Norte do país um evento diferente e tão interessante. O Norte e em particular o Porto tem uma bela legião de bloggers (Contra Rótulo, Garficopo, etc) e enófilos apaixonados que se juntam, promovem eventos e discutem à volta da temática do vinho de uma forma recorrente (Wine & Stuff, Cegos Por Provas, Imperdiveis, etc) e por isso, a região já merecia um evento deste tipo. Afinal de contas, estamos na cidade que em pouco mais de uma hora de carro nos colocamos no Dão, Bairrada, Douro ou Vinhos Verdes, por exemplo... É também a região por excelência do Vinho do Porto ou de garrafeiras clássicas como o Tio Pepe, ou mais recentemente a "Garagem" da Ivone (Garage Wines). E não é que os bloggers e bloguetas da praça da região até compram muito vinho e tudo?

Mais do que razões para Luis Gradissimo saber que teria sucesso no Porto. Mas não é apenas pelas razões enumeradas anteriormente que o evento foi um sucesso, foi sobretudo pela escolha criteriosa de produtores. Pequenos produtores, com identidade,  muitos deles foras dos grandes circuitos comerciais, provenientes de quase todas as regiões vinicolas do país.

Na realidade foram 34 produtores cujos vinhos estiveram à prova, desde os alvarinhos puros da Quinta do Regueiro, a frescura do Douro Superior, dos D. Graça da Vinilourenço; a finesse dos Aneto do Douro, de Francisco Montenegro, a diversidade dos Maçanita Vinhos, os vinhos Casal Faria da emergente região de Trás-os-Montes. Pela Bairrada, os vinhos e espumantes da Casa de Saima com os seus desconcertantes Garrafeiras da casta Baga, a elegância do Dão com a Quinta de Lemos e a Casa da Passarella. A Quinta do Cardo fez as honras pela Beira Interior. Joaquim Arnaud, com o seu Alentejo completamente "fora do baralho" e o vinho generoso DOC Carcavelos Villa Oeiras, entre muitos outros, que fizeram as delicias dos participantes.

Outra grande diferença que encontrei foi a presença de um público muito jovem, em busca de aprender mais sobre o vinho. Acho que não me lembro de ver tantos jovens em torno do vinho. Boa!

Enfim, mais do que razões suficientes para se repetir nova edição em 2017. Aqui ficam algumas fotos deste verdadeiro evento de proximidade. As provas especiais que ocorreram no evento serão alvo de um comentário à parte.





Sérgio Lopes

Sem comentários:

Enviar um comentário